08/07/2016

LITANIA ROMÂNTICA


secaram o sangue dos poemas
toda tosse romântica
da tuberculosa poesia
dessas mortes arrancaram palavras
e grudaram nas paredes da eternidade
souberam enfeitar de elegias
o fétido féretro da rebeldia
mas ainda direis, ouço tossir uma palavra
nos pulmões edemáticos da noite
ouvir direis, o soluço de lágrimas coaguladas
depois de toda hemorragia romântica
por quem não sei nem devo me matar
Postar um comentário